Viva Um dia de Cada Vez e Seja Feliz

sábado, 8 de outubro de 2011

TERAPIA HORMONAL O QUE VEM A SER??


Bom dia amigas de luta, hoje estou logo cedo com vocês, aproveitar a calmaria em casa.

Tenho percebido entre amigas que muitas tem dúvidas de que seria uma terapia hormonal, durante o tratamento. 
TERAPIA HORMONAL



A terapia hormonal é um tratamento de câncer que remove hormônios ou blocos de sua ação e impede as células de câncer de crescer. Os hormônios são substâncias produzidas por glândulas do corpo e circulado na corrente sanguínea. Alguns hormônios pode causar certos tipos de câncer para crescer. Se os testes mostram que as células cancerosas têm lugares onde os hormônios pode anexar (receptores), medicamentos, cirurgia ou a radioterapia são usados ​​para reduzir a produção de hormônios ou bloqueá-los de trabalhar. O hormônio estrogênio, o que faz alguns tipos de câncer de mama crescer, é feita principalmente pelos ovários. Tratamento para parar os ovários de produzir estrogênio é chamado ablação ovariana.
as células de todo o corpo e pode aumentar a chance de desenvolver câncer endometrial. Mulheres que tomam tamoxifeno deve ter um exame pélvico a cada ano para procurar por sinais de câncer.Qualquer sangramento vaginal, além de sangramento menstrual, deve ser relatado ao médico o mais rapidamente p

A terapia hormonal com um inibidor da aromatase é dado a algumas mulheres na pós-menopausa que têm hormônio-dependentes câncer de mama. Hormônio-dependentes do câncer de mama precisa do hormônio estrogênio para crescer. Inibidores de aromatase diminuição de estrogênio no organismo, bloqueando uma enzima chamada aromatase de transformar andrógenos em estrogênio.


cancer de mama em estágio inicial, alguns inibidores de aromatase podem ser utilizados como terapia adjuvante em vez de tamoxifeno ou depois de 2 ou mais anos de tamoxifeno. Para o tratamento de câncer de mama metastático, os inibidores da aromatase estão sendo testadas em ensaios clínicos para compará-los com a terapia hormonal com tamoxifeno.
A terapia hormonal com tamoxifen muitas vezes é dado aos pacientes com estágios iniciais de câncer de mama e aqueles com câncer de mama metastático (câncer que se espalhou para outras partes do corpo). A terapia hormonal com tamoxifeno ou estrógenos podem atuar sobre c

Terapia-alvo

Terapia-alvo é um tipo de tratamento que usa drogas ou outras substâncias para identificar e atacar células cancerosas específicas sem prejudicar as células normais. Anticorpos monoclonais e inibidores da tirosina quinase são dois tipos de terapias direcionadas sendo estudada no tratamento do câncer de mama.
cem. Os anticorpos se ligam às substâncias e matar as células cancerosas, bloquear o seu crescimento, ou mantê-los se espalhe. Os anticorpos monoclonais são dadas por infusão. Eles podem ser usados ​​isoladamente ou para transportar drogas, toxinas ou material radioativo diretamente às células cancerosas. Os anticorpos monoclonais podem ser usados ​​em combinação com a quimioterapia como terapia adjuvante.
Terapia de anticorpo monoclonal é um tratamento de câncer que utiliza anticorpos feitos em laboratório, a partir de um único tipo de célula do sistema imunológico. Estes anticorpos podem identificar substâncias em células cancerosas normais ou substâncias que podem ajudar as células cancerosas cresc
Trastuzumab (Herceptin) é um anticorpo monoclonal que bloqueia os efeitos do fator de crescimento da proteína HER2, que envia sinais de crescimento para as células do câncer de mama. Cerca de um quarto dos pacientes com câncer de mama têm tumores que podem ser tratadas com trastuzumab em combinação com quimioterapia.
pode ser usado em combinação com outros fármacos anti-cancerígenos como terapia adjuvante.
Inibidores da tirosina quinase são direcionados drogas terapia que sinais de bloqueio necessária para o crescimento dos tumores. Inibidores da tirosina quinase 
Lapatinib é um inibidor da tirosina quinase que bloqueia os efeitos da proteína HER2 e outras proteínas dentro das células do tumor. Ele pode ser usado para tratar pacientes com HER2-positivo câncer de mama que tenha progredido após o tratamento com trastuzumab

DESAFIANDO O CÂNCER- DOC  ESCLARECENDO SUAS DÚVIDAS.
BJUS NO CORAÇÃO

3 comentários:

  1. Muito bom seu post, eu já estou tomando o tamoxifeno há 1 ano, tenho tido efeitos colaterais, mas que bom que existe esse tratamento não é? Bom fim de semana! Bjsssssssss

    ResponderExcluir
  2. O grande problema em nosso país é que a muitas melheres o médico nem pede exame quando o Her2 vem indeterminado. E muitas ficam sem poder usar a terapia com os medicamentos disponíveis.

    É muito importante que se faça teste quando o her2 dá indeterminado.

    Abraço!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário e me diga qual o assunto voce quer saber?